Please ensure Javascript is enabled for purposes of website accessibility

Notícias

Presidente Carlos Augusto Braga representou a instituição

09/02/2021 19:23 - Atualizado em 09/02/2021 19:23

Foi a 3ª edição do Prêmio do Esporte Mineiro (PEM)

A Secretaria de Estado de Desenvolvimento Social (Sedese), por meio da Subsecretaria de Esporte, realizou a 3ª edição do Prêmio do Esporte Mineiro (PEM), na última quarta-feira (11), em Belo Horizonte (MG), na qual o Praia Clube foi eleito o Melhor Clube Esportivo de Minas Gerais no ano de 2019. O Presidente Carlos Augusto Ribeiro Ferreira Braga foi ao evento para representar a organização praiana.

Abaixo, a matéria sobre o PEM 2019

Atletas e personalidades são agraciados em solenidade do Prêmio do Esporte Mineiro

Sedese homenageou pessoas e entidades do mundo esportivo no estado

Ao todo, foram entregues 52 medalhas para diversas categorias e 50 certificados para autoridades, federações e apoiadores de ações sociais por meio do esporte em Brumadinho. O evento também homenageou personalidades que contribuíram para o incentivo à pesquisa científica, bem como para a categoria “Trajetória Esportiva”.

A secretária Elizabeth Jucá abriu o evento enaltecendo a atuação dos atletas e profissionais que contribuem para a projeção do esporte mineiro.

“O esporte de Minas Gerais não seria tão reconhecido sem a dedicação de vocês. Vocês são exemplos que demonstram que o esporte pode mudar a vida de muitos jovens e crianças”, ressaltou.

Elizabeth Jucá também pontuou as principais ações de fomento e estímulo ao esporte, com a participação de mais de 40.000 estudantes atletas nos Jogos Escolares de Minas Gerais (JEMG). “Para 2020, a intenção é aumentar o número de escolas envolvidas com a parceria da Secretaria de Estado de Educação. Contamos com vocês novamente”, afirmou se dirigindo à plateia.

Durante a solenidade foi anunciada a Plataforma EAD do Observatório do Esporte de Minas Gerais, que busca potencializar o acesso e reduzir custos de órgãos públicos e entidades que atuam no fomento e incentivo ao esporte em Minas Gerais e, assim, proporcionar mais oportunidades de práticas esportivas e de atividade física à população. “Esta plataforma vai facilitar principalmente o acesso e cadastro de projetos para a captação de recursos via lei de incentivo ao esporte”, explicou a secretária Elizabeth Jucá.

Homenagens

A entrega das homenagens às personalidades foi feita pelo subsecretário de Esportes, José Francisco Filho, o Pelé do Vôlei, além de pessoas de notoriedade no meio esportivo. Antes de conceder as homenagens, Pelé do Vôlei relembrou a trajetória de vida e o ingresso ao esporte uma oportunidade de mudar de vida.  Como atleta do voleibol, Pelé conquistou três títulos nacionais, além de ser campeão mineiro nove vezes. “Sempre trabalhei pelo esporte por acreditar que ele é capaz de transformar a vida de muitas pessoas, especialmente a população carente. O esporte marcou a minha vida”, disse.

Dentre as personalidades homenageadas, está a mineira Laura de Oliveira, de 100 anos, nascida na cidade de Monte Azul, recordista mundial na prova 50 metros nado peito, na categoria 100-104 anos. Para a atleta que se tornou nadadora aos 70 anos, nunca é tarde para praticar atividade física. “Pode começar com uma caminhada ou uma ginástica. Eu fui feliz porque hoje eu sou uma nadadora bem recompensada por tudo que fiz e poder servir de inspiração para muita gente”, comemorou.

Para a estudante Kássia Aparecida Pires Souza, campeã no atletismo paralímpico, os jovens não devem enxergar a deficiência física como um entrave para o esporte, mas sim uma oportunidade. “Os jovens não devem desistir dos seus sonhos e nem ficar tristes. A deficiência não é uma coisa impossível. É uma qualidade da gente. E a gente pode fazer qualquer coisa que quiser”, incentivou.

O médico ortopedista, Cimar Eustáquio Marques, do América Futebol Clube, definiu o esporte como um marcador de saúde, trabalho e bem estar social. Para ele, o evento de premiação é importante no sentido de reconhecimento de talentos, além do desempenho profissional. “É uma grande honra ter sido e ainda ser médico e poder ajudar esta categoria tão especial e tão perfeita”, complementou. Cimar Eustáquio foi agraciado na categoria médicos do esporte.

Prêmio

O Prêmio do Esporte Mineiro existe há mais de 10 anos. Inicialmente, visava homenagear apenas os atletas de destaque oriundos dos Jogos Escolares de Minas Gerais (Jemg) e dos Jogos do Interior de Minas (Jimi). Em 2017, foi reformulado reconhecendo não só jovens talentos que participaram das ações desenvolvidas pela Sedese, mas também atletas, técnicos, personalidades, autoridades e membros da sociedade civil que foram destaque no ano.

Ao todo, nesta edição, que contou com a presença de aproximadamente 350 pessoas, foram agraciadas 37 categorias, dentre elas, atletas e técnicos destaques que tiveram papel fundamental em programas da Sedese como o Bolsa Atleta e Bolsa Técnico e os Jogos Escolares da Juventude de Minas Gerais (JEJ), etapa nacional.  Além disso, foram premiados os três municípios que alcançaram maior pontuação no programa ICMS Esportivo e quatro empresas apoiadoras de destaque na Lei de Incentivo ao Esporte.

Participaram do evento, representantes de entidades, órgãos de governo, municípios, parlamentares e outras autoridades.

* Com Ascom (Sedese)

Divulgação/Sedese